NOTÍCIAS
Trend

Verdade sobre Vídeo Íntimo vazado de Felipe Neto é revelada e youtuber age; veja

Após o vazamento do vídeo, Felipe Neto garantiu que irá processar quem vazou.

Felipe Neto um dos maiores youtubers e empresários do ramo, além de influenciador digital viveu um momento muito desagradável na internet após ter um vídeo íntimo vazado, nesta quarta-feira (27). O ‘digital influencer’ ainda fez piada com o assunto, mas a história é outra.

Quem viu as imagens (que não serão divulgadas aqui por respeito a vítima), e ainda reparou a reação de Felipe, acreditou que seria um caso para ser esquecido. Com certeza não ficaria impune, porém. O famoso, após ver a repercussão do assunto, decidiu se pronunciar.

Felipe Neto diz que vai processar autor do vazamento 

A verdade é que ainda não se tem nem ideia de quem vazou os nudes do rapaz, mas já se sabe que não deve ficar impune. Por meio de nota, sua assessoria de imprensa revelou que as imagens são realmente o representado.

Além disto, ele irá processar o autor civil e criminalmente. Felipe é o dono do canal ‘Parafernalha’, da produtora ‘Paramaker’ e por muitos anos acabou sendo o principal rival do ‘Porta dos Fundos’, canal que já foi o maior do Brasil.

Vazamento virou piada na internet

O próprio influenciador chegou a fazer piada com o assunto na internet. em alguns tuítes Felipe Neto criticou em forma irônica, mas logo caiu na real, que aquela exposição poderia não ser tão ‘engraçada’ e garantiu que tomará providências.

Ele também tem um canal infanto-juvenil com o irmão e isto pode ser muito prejudicial para o trabalho futuro.

 

Caso é passível de Lei Carolina Dieckmann

O Brasil evoluiu quanto ao assunto de vazamento de vídeos e imagens íntimas, quando Carolina Dieckmann, a atriz global, foi vítima de um vazamento indevido.

Por conta da repercussão que o caso ganhou na época, o parlamento brasileiro decidiu discutir o assunto de forma mais profunda e a  Lei Brasileira 12.737/2012, foi sancionada em 30 de novembro de 2012 pela ex presidente Dilma.

A lei visa definir a punição e proteger a vítimas de crimes cibernéticos, aliás, alinhada com a  nova tendência mundial.Especificamente, no caso do influenciador digital, o caso terá que ser investigado de forma mais profunda. Entretanto, de fato, a polícia tem ferramentas que permitem identificar autores de crimes desta natureza e promover a punição conforme previsto em lei.

TV MRNews

Tags

HUGO GONSALVES

Formado em Engenharia Elétrica pela UnB, me especializei em jornalismo colaborativo pela FTP em nível de pós-graduação. hugo.reis@oimeliga.combr

Artigos relacionados

Close