ENTRETENIMENTO
Trend

Faustão ‘constrange’ Nego do Borel sobre polêmica de vídeo vestido de mulher e beijando bonitão

Cantor de funk cantou a música 'Me Solta' e ainda falou ao vivo sobre polêmica do vídeo que recebeu críticas.

Um dos participantes do Ding Dong neste domingo (5) foi Nego do Borel. O cantor participou do programa do Faustão e cantou um de seus sucessos que teve participação especial, na gravação original, de Simone e Simaria. 

No palco, Nego do Borel participou com a cantora Ísis, que fez a parte feminina da música. Ao terminar a canção, Faustão apertou o cantor sobre a música ‘Me Solta’, ‘aquela música que ele beijou um homem’. Se você não viu o vídeo, ao menos deve ter sabido da polêmica.

Na canção, que foi lançada inicialmente no Youtube, o cantor aparece travestido de mulher e dá um beijo em um rapagão. O problema é que, a comunidade LGBT, detonou completamente o vídeo do cantor, já que ele ficou extremamente caricato.

Nego do Borel assume polêmica e diz que aprendeu muito após vídeo

Em uma importante revelação, o cantor disse que aprendeu muito depois das críticas do vídeo e que não teve intenção de ferir. Também disse que está em defesa da comunidade

O vídeo realmente dividiu opiniões. Apesar da intenção do cantor ser a de mostrar que é livre, como ele usou salto e batom, mas com imagem masculinizada, o ato acabou ferindo os ideais da comunidade.

Funkeiro Nego do Borel é detonado após ser flagrado beijando outro homem e é defendido por Anitta

Você viu aqui no MRNews (e se não viu ative as notificações), que Nego do Borel lançou seu clipe de uma maneira polêmica. Ele divulgou a música ‘Me solta‘, em parceria com Kondzilla na noite desta segunda-feira (9). Ele usou uma foto beijando outro homem para fazer a promoção da música.

Entretanto, quando os fãs foram assistir o vídeo, ficou, para muitos, claro que tudo não passou de uma chacota com o mundo gay. Nego do Borel foi detonado por muitos internautas. Nego aparece utilizando salto alto e bolsa, além de trejeitos afeminados.

Entidades LGBT disseram que ele fez ‘piada’ com um possível travesti que representaria e que só quis oportunizar o momento. Para piorar a situação do cantor, ele ainda é apoiador de Bolsonaro, que, para alguns internautas é incongruente.

Por outro lado, Anitta defendeu o amigo e disse que ele é extremamente inge mal ênuo. Também não seria capaz de fazer nada para ofender o mundo LGBT e nem tentou oportunizar nada. Ele apenas foi ingênuo interpretado. No Twitter, entretanto, os fãs não quiseram saber e detonaram o cantor.

 

 

TV MRNews

Tags

R. HUGO

Especializado em jornalismo colaborativo pela FTP em nível de pós-graduação. suporte@oimeliga.combr

Artigos relacionados

Close