NOTÍCIAS
Trend

Delegada confirma que arma encontrada no quarto do filho da deputada Flordelis é a que matou pastor

A deputada negou envolvimento de quaisquer de seus filhos, mas delegada confirmou que arma é a do crime.

A Polícia Civil encontrou no quarto do Flávio dos Santos Rodrigues, filho da deputada Flordelis dos Santos (PSD), uma pistola 9mm. Segundo a autoridade policial, a arma é compatível com as cápsulas que foram encontradas no local do crime.

O homem, que já estava detido desde um dia após a morte do pai, por outro motivo, teria, inclusive, assumido que matou o pai, mas a deputada insistiu em negar a relação de algum filho com o assassinato. Entretanto, a delegada afirmou, segundo o EXTRA, que a arma usada no assassinato do pastor Anderson do Carmo, marido da parlamentar foi mesmo encontrada no quarto do homem de 18 anos.

Uma primeira perícia feita pela Divisão de Homicídios constatou que pistola foi usada na noite do crime. Uma outra perícia no Instituto de Criminalista Carlos Eboli será feita, nesta quarta-feira, para confirmar se a arma foi utilizada. Flávio foi preso no velório do padrasto por ter ameaçado ex-mulher no início do ano.

Delegada confirma

Segundo a responsável pelo caso: “Na casa, encontramos uma pistola 9 milímetros no quarto ocupado pelo Flávio. Coletamos o padrão balístico da arma e já há uma primeira indicação de que é a arma do crime. Nós achamos hoje na casa a arma utilizada no crime”, contou a delegada Barbara Lomba, titular da DH Niterói.

A comparação foi feita com as cápsulas, nove delas, que foram encontradas no local do crime. A possibilidade do crime ter sido um latrocínio — roubo seguido de morte, está descartada pela DH. A polícia agora apura quem foi o autor dos disparos e a motivação do crime. Flavio deverá ser ouvido novamente, ainda nesta semana, sobre as novas provas encontradas.

Delegada: arma achada no quarto do filho de Flordelis foi usada na morte do marido da deputada

Imagem do laudo de balística do corpo do pastor Anderson do Carmo
Imagem do laudo de balística do corpo do pastor Anderson do Carmo Foto: Reprodução
Carolina Heringer

Deputada nega, mas filho teria realmente assumido o crime

Segundo informações do EXTRA, Policiais da Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG) já sabem que Lucas dos Santos, de 18 anos, um dos filhos adotados pela deputada federal e pastora evangélica Flordelis e pelo pastor Anderson do Carmo de Souza, foi um dos executores do assassinato. O crime aconteceu na madrugada de domingo.

O jovem fez diversas revelações à polícia, inclusive sobre a motivação pela qual matou o pai adotivo. Ele também chegou a revelar quem teria sido o mandante do assassinato, colocando a ‘culpa’ em seu outro irmão.

Nota corrigindo a matéria do jornal EXTRA: A assessoria da deputada, garante que: “não houve e não há confissão do filho Lucas, fato confirmado pela delegacia de polícia que conduz as investigações”. Hoje, a Polícia Civil não se pronunciou oficialmente sobre uma suposta confissão. 

Motivação e mandante são revelados

Flávio Rodrigues de Souza, de 38 anos, filho biológico de Flordelis teria sido um dos mandantes. Ele inclusive, já havia sido preso na segunda-feira. Flávio de Souza tinha um mandado de prisão pendente por violência doméstica.

O homem acabou sendo  preso durante o sepultamento do corpo de Anderson no cemitério Memorial de Nictheroy, no bairro Laranjal, em São Gonçalo. O irmão adotivo, Lucas, foi preso no momento em que prestava depoimento na DHNSG. Ele também tinha um mandado contra si, no caso, por tráfico de drogas.

Segundo o jornal EXTRA:  o pai estava tendo um caso extraconjugal e este teria sido o motivo da morte.Ao prestar depoimento, Lucas se contradisse e teria decidido confessar o crime e acusar Flávio de ser um dos mandantes depois que policiais mostraram imagens de câmeras de segurança em que ele aparece na cena do crime. Transtornado, Lucas incriminou Flávio e contou detalhes que estão auxiliando a polícia na investigação do crime. Ao menos sete dos 30 tiros disparados contra pastor atingiram região pélvica.

Lucas seria um dos executores

Ainda segundo reportagem do jornal EXTRA: Policiais da Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG) já sabem que Lucas dos Santos, de 18 anos, um dos filhos adotados pela deputada federal e pastora evangélica Flordelis e pelo pastor Anderson do Carmo de Souza, foi um dos executores do assassinato dele ocorrido na madrugada de domingo. E que um dos mandantes do crime foi Flávio Rodrigues de Souza, de 38 anos, filho biológico de Flordelis.

 

Flordelis põe a mão sobre o caixão durante o sepultamento, em São Gonçalo: durante a cerimônia, a deputada voltou a afirmar que Anderson foi morto em uma tentativa de assalto, hipótese praticamente descartada pela polícia
Flordelis põe a mão sobre o caixão durante o sepultamento, em São Gonçalo: durante a cerimônia, a deputada voltou a afirmar que Anderson foi morto em uma tentativa de assalto, hipótese praticamente descartada pela polícia Foto: Fabiano Rocha / Agência O GLOBO
 FONTE: EXTRA  R7

 

TV MRNews

Tags

R. HUGO

Especializado em jornalismo colaborativo pela FTP em nível de pós-graduação. suporte@oimeliga.combr

Artigos relacionados

Close