NOTÍCIASSERVIÇOS

Caso Rayane: mãe confirma que corpo com cadarço no pescoço é da filha, polícia já tem um suspeito

Mãe diz que jovem achada sem vida é sua filha e polícia já teria um suspeito

O caso da menina Rayane Paulino Alves, de apenas 16 anos, avançou mais uma etapa neste domingo, 28 de outubro. A Polícia fez diversas varreduras na região onde a menina desapareceu e, neste final de semana, encontrou um corpo compatível ao de Rayane. Os pais da jovens, foram chamados e, ainda no local, um reconhecimento prévio foi feito.

O corpo da menina foi encontrado por volta das 16 horas no canteiro de uma estrada municipal, perto da rodovia Ayrton Senna, no município de Guararema. A blusa estava suspensa e as calças abaixadas, o que pode revelar um possível estupro, mas isso ainda não foi confirmado. Também havia, no pescoço de Rayane, um cadarço de sapato.

De todo modo, o reconhecimento oficial aconteceu nesta segunda (29), quando a mãe de Rayane, dona Maria Paulino Alves, esteve no IML (Instituto Médico Legal) de Mogi das Cruzes. Aos prantos, a mãe saiu do local afirmando que realmente o cadáver era de sua filha. A RecordTV confirmou a informação. O ‘Cidade Alerta’ de Bacci, que deu cobertura completa ao caso, também trouxe novos elementos à investigação que, segundo o apresentador, está bem perto de ser concluída e o(s) suspeito(s) indiciado(s). A polícia já tem um suspeito.

O IML também recolheu material para teste toxicológico e definição da mecânica da morte. O laudo final do instituto sai em 30 dias. Já a perícia técnica já está de posse do cadarço que foi usado, possivelmente, para matar a jovem e a intenção é identificar algum material genético (DNA) ou impressões digitais que levem ao(s) responsável(is) pelo caso.

Mãe de Rayane confirma que corpo encontrado é mesmo de sua filha e polícia já tem um suspeito

Marlene Maria Paulino Alves revelou à imprensa que o corpo encontrado é mesmo de Rayane Paulino. A senhora chegou ao IML acompanhada do pai da vítima e expressou seu pesar ao sair do local. Apesar de muito abalada, a mãe se mostrava preocupada em dar um enterro digno à sua filha.

O corpo já foi liberado pelo IML para enterro. Cabe ressaltar que o cadáver de Rayane estava a cerca de 10 km de onde foi encontrado o celular da menina de 16 anos e possíveis imagens do trajeto de um ponto ao outro já estão sendo levantadas pela polícia, para ajudar na investigação. Conforme o vídeo a seguir, do ‘Cidade Alerta’, ainda há a existência de uma foto do possível carro que conduziu Rayane à morte, que pode ajudar a elucidar o caso. A polícia não dá detalhes. A existência de um suspeito também não é comentada ainda, mas, segundo o ‘Cidade Alerta’ a informação realmente procede.

TV MRNews

R. HUGO

Especializado em jornalismo colaborativo pela FTP em nível de pós-graduação. suporte@oimeliga.combr

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close