ENTRETENIMENTO

Luciano Huck mostra bilhete que a filha escreveu para Deus e emociona

Luciano Huck, apresentador da Rede Globo começou a semana muito bem, com o coração transbordando de orgulho de sua filha caçula Eva, de 8 anos de idade.

 

Casado com a apresentadora global Angélica, eles ainda são pais de mais dois herdeiros Joaquim e Benício. Pai coruja, o famoso usou seu Instagram para compartilhar com seguidores um belo bilhetinho que sua filha deixou endereçado a ‘Deus’. Na mensagem diante de tudo que tem acontecido, ela pede para que Deus cuide do mundo para que ele fique bom logo.

Deus, eu te amo. Não deixa nada acontecer com minha família e meus amigos. Ajuda esse mundo a ficar bom, Deus. Amém.”

O apresentador que está todo sábado a tarde na telinha da Rede Globo com o seu ‘Caldeirão do Huck’, acabou fazendo uma reflexão sobre o recadinho que sua herdeira escreveu: “Por isso acredito que o mundo amanhã pode ser melhor que hoje. Bilhete para Deus colado atrás da porta no quarto da nossa filha: ‘ajuda esse mundo a ficar bom’. Que Deus te ouça, minha filha amada.”

Mais cedo, quem também se manifestou com o bilhetinho da herdeira e utilizou seu Instagram, foi a mamãe Angélica que reagiu ao recadinho da filha amada e não se conteve, ao presenciar  tanto amor.

Usando seu Instagram, a loira não perdeu tempo e escreveu: “E eu começo a semana com o coração cheio de esperança nas futuras gerações! Olha o que encontrei na porta do quarto da minha Eva”: “Um bilhete para Deus. ‘Ajuda esse mundo a ficar bom, Deus’. Amém, minha filha”, narrou a mamãe corujissima.

Confira a publicação de Luciano Huck:

Moro e Luciano Huck se reúnem para discutir chapa para presidência em 2022

Um encontro ocorrido em 30 de outubro pode ter sido o ponto de partida para uma chapa Moro-Huck nas eleições presidenciais de 2022. Segundo apuração da Folha de S. Paulo, naquele dia, o apresentador Luciano Huck foi à casa do ex-ministro da Justiça e ex-juiz da Lava-Jato, Sergio Moro, em Curitiba, para uma longa conversa.

Segundo o jornal, discutiu-se na ocasião a possibilidade de a dupla formar uma chapa de centro. Não discutiu-se quem seria o cabeça e quem ficaria como vice, algo a ser definido melhor ao longo de 2021.

Caso se concretize, a aliança tende a dificultar muito a reeleição de Jair Bolsonaro. Com popularidade crescente nos últimos meses, o presidente aparece nas pesquisas como favorito em 2022, com apenas dois nomes capazes de ameaçá-lo: o do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o de Sergio Moro.

Como Lula segue impossibilitado de concorrer pela Lei da Ficha Limpa, o mais provável é que tenha de apoiar um candidato. Segundo as pesquisas, no entanto, um nome como o do ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad não seria capaz de derrotar Bolsonaro no segundo turno.

Adversário à altura
Sobra como adversário à altura, em um eventual segundo turno, Sergio Moro. Pelo menos segundo as pesquisas de hoje. Ao lado de Huck, o ex-ministro de Bolsonaro tende a se fortalecer ainda mais. Mesmo sem nunca ter se lançado candidato, o apresentador da Rede Globo aparece bem colocado nas pesquisas quando seu nome é incluído.

O encontro também sinaliza que Moro, apesar de sempre negar, pode ter sim ambições políticas maiores. Recenetemente, noticiou-se que o ex-juiz vinha sendo pressionado pela família para não levar tais planos adiante. O que ele fará, porém, só o tempo dirá.

TV MRNews

Botão Voltar ao topo