ESPORTESReal Madrid
Trend

A vida do atacante Benzema

Às vésperas de completar 35 anos de idade, Karim Mostafa Benzema (Lyon, 19 de dezembro de 1987), é um dos mais talentosos atacantes já nascidos na França. Assim como este site que oferece outras oportunidades, Benzema nos oferece verdadeiras obras de arte quando exerce o seu ofício.

Benzema começou a jogar profissionalmente pelo Lyon, clube que defendeu entre 2005 e 2009. em sua primeira temporada como profissional, Benzema assinalou seis gols, o que não chegou a impressionar, contudo, na temporada 2007/08, com as saídas de Malouda, John Carew e Sylvain Wiltord, Benzema assumiu o protagonismo na equipe. Vestindo a camisa 10, e com apenas 19 anos de idade, o craque marcou trinta e um gols, ajudando o time tanto na UEFA Champions League, como na Liga francesa e na Copa da França. Por seus esforços nessa temporada, ele não só foi selecionado para a Equipe do Ano na Ligue 1, como também foi eleito o Jogador do Ano na liga, e ainda foi premiado com o Troféu Buteur du Meilleur por ser o artilheiro da liga. Benzema ainda foi selecionado pela revista francesa France Football para o prêmio Ballon d’Or de 2008, vencido por Cristiano Ronaldo.

No dia 13 de março de 2008, Benzema renovou seu contrato com o Lyon até 2013, porém, em 1 de julho de 2009, o Lyon anunciou um acordo com o Real Madrid, a um valor de trinta e cinco milhões de euros. No dia 9 de julho, o jogador passou com êxito pelo seu exame médico e assinou contrato com o clube madrilenho por seis temporadas. Neste mesmo dia, o atleta francês foi apresentado oficialmente como jogador do Real Madrid no Estádio Santiago Bernabéu.

Não foi de uma hora para a outra que Benzema se revelou o mesmo atacante imperioso que atuará pelo Lyon, começou discreto, mesmo porque, ainda não era titular no Real. A grande oportunidade surgiu com a contusão do titular Higuaín. José Mourinho, treinador à época, o entregou a titularidade e Benzema aproveitou; em 4 de dezembro de 2010, marcou um hat-trick na vitória por 4-0 sobre o Auxerre, pela UEFA Champions League, o primeiro deles foi o de número 300 do Real Madrid na história da Liga dos Campeões. Seu segundo hat-trick pelo clube veio em 22 de dezembro, em uma goleada portentosa de 8 a 0 sobre o Levante, pela Copa del Rey.

Junto a Cristiano Ronaldo e Gareth Bale, Benzema foi fundamental na conquista da décima Liga dos Campeões da UEFA. O trio acabou conhecido como trio “BBC”, constituindo-se como o ataque mais goleador da Europa.

Pela seleção francesa, Benzema teve sua primeira convocação ainda em 2004, sendo campeão de um torneio sub-17 europeu. Pela seleção francesa principal, seu primeiro torneio foi a Euro 2008, mas os resultados foram pífios e a equipe acabou eliminada ainda na primeira fase. Benzema ficou de fora da lista de vinte e três convocados para a equipe que disputou a Copa da África do Sul, em 2010, fato que gerou severas críticas ao treinador Domenech.

Na Copa do Mundo de 2014, a França entrou desacreditada. A classificação veio apenas na repescagem e, ainda por cima, não contava com o seu principal jogador, Frank Ribéry, Benzema comandou a ótima campanha francesa durante a primeira fase e ainda classificou seu país para as quartas de final, mas foram eliminados pela Alemanha, futura tetracampeã mundial.

Um episódio negativo na vida do atleta foi o caso Valbuena, interferindo brutalmente em sua trajetória na seleção francesa. Em 5 de novembro de 2015, Benzema foi acusado formalmente pelo poder judiciário francês por associação criminosa, cobrando valores em dinheiro para não divulgar vídeo com conteúdo erótico de seu companheiro de seleção francesa, Mathieu Valbuena. O caso teve um alcance avassalador, foram cinco anos seguidos sem ser convocado para seleção. Só retornou em 2020.

Polêmicas de lado, em campo Benzema é um atacante quase irretocável. São mais de trezentos gols pelos clubes Lyon e Real Madrid, além de trinta e seis tentos assinalados em noventa e quatro jogos pela seleção francesa. Os títulos são incontáveis, a saber: pelo Lyon foram quatro campeonatos franceses, uma Copa da França e duas Supercopas. Pelo Real Madrid, a lista é ainda mais soberba, três títulos do campeonato espanhol, duas Copas do Rei, quatro Supercopas da Espanha, quatro Champions League, três Supercopas da UEFA, quatro mundiais interclubes. Pela seleção francesa conquistou a Liga das Nações da UEFA, na temporada 2020/2021.

Não restam dúvidas quanto ao talento de Benzema, a ativa e a postos pelo Real Madrid.

TV MRNews Não perca também:

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo